Fenalaw 2013 -

quinta-feira, 22 de junho de 2017

Fenalaw 2013 termina com avaliação satisfatória dos participantes

17 de outubro de 2013

Por Luiza Giovancarli

Expositores e congressistas da 10ª edição da Fenalaw fazem balanço positivo do público da feira este ano. Juliana Montez, gerente de projetos e responsável pela Fenalaw 2013, afirma que houve um aumento significativo de participação em relação ao ano passado, bastante visitação e muita gente fazendo negócios dentro da feira. “A nossa referência são sempre os anos anteriores e nós percebemos que conseguimos atingir um crescimento decorrente de tudo o que a gente fez, do planejamento em relação à divulgação da feira e tudo mais, então acho que conseguimos atingir um resultado bem satisfatório este ano. A gente vem ano a ano conseguindo crescer e esse ano ficou muito claro o resultado deste trabalho que a gente vem fazendo já há algum tempo”, afirma.

Segundo ela, tanto os congressistas quanto os nossos expositores estão gostando bastante da frequência do evento. O êxito deste ano vem muito por conta de uma ampla divulgação. “A gente vem trabalhando muito forte em redes sociais, que é uma coisa que acho que está fazendo a diferença pra feira. A gente tem um público maior que acaba sendo impactado e informado da feira. Fizemos também algumas ações em jornais e revistas”, aponta Juliana.

Este ano a Fenalaw contou com o mais prestigiado Congresso do setor jurídico, com temas atuais e painéis que atendiam as necessidades do mercado. Concomitante a isso, a feira trouxe workshops, onde foram discutidos temas específicos de forma aprofundada. Destaque também para a Vila dos Correspondentes, que já havia feito sucesso o ano passado e este ano cumpriu as expectativas de abrigar estandes de escritórios fora do eixo Rio-São Paulo para que pudessem fazer novos negócios.

A exposição contou não apenas com os expositores do ano passado, mas também com um novo leque de empresas. “A gente tem segmentos que não vinham antes. A feira nasceu basicamente trazendo softwares jurídicos e hoje a gente tem conseguido aumentar a cada ano a diversificação destes expositores. A gente tem outras coisas, escritórios de advocacia, escola de línguas, editoras, outras opções para o advogado e isso também acaba ajudando na visitação porque as pessoas vêm até aqui sabendo que não vai ter apenas softwares”, conclui Montez.

Leia também
Gestão de pessoas aumenta rentabilidade de escritórios de advocacia
Thomson Reuters apresenta soluções tecnológicas para o mercado jurídico
Clientes estrangeiros exigem conhecimentos não jurídicos, diz advogada
Conciliação e arbitragem são alternativas menos custosas para empresas

Entre os expositores as expectativas, no geral, foram alcançadas. Carlos Manino, sócio diretor da TOTVS afirma que este ano o espaço estava mais amplo, facilitando a circulação. “O público este ano se mostrou mais interessado, não apenas nas palestras, mas também em conhecer a feira. Em relação ao ano passado, houve mais qualidade neste sentido”, coloca. Manino afirma também que muita gente fora de São Paulo veio visitar a exposição. “As nossas expectativas já foram superadas, o que vier hoje é lucro”, finaliza o diretor.

Fernando Vasconcellos, gerente comercial da Snap, empresa de soluções em Software, também acredita que o público este ano foi mais selecionado. “Nosso intuito aqui é divulgar a nossa marca e isso sempre é alcançado”, aponta.

“Este ano vieram muitos visitantes interessados. Principalmente em relação ao ano passado, houve mais gente focada, não apenas para pegar brindes”, afirma Leandro Garanhani, consultor da Santivo.

“Antigamente a feira tinha um perfil muito voltado para o mercado de softwares, por isso a Santivo junto com a Mobidomo decidiram se unir e fazer algo diferente. Muita gente que não conhecia nosso serviço vem nos visitar”, aponta Bruna Bongiovani, diretora da Santivo.

A gerente afirma que saindo da feira, já começa o trabalho para o ano que vem e muitos expositores já estão renovando a participação para 2014. “A gente sempre procura fazer novos módulos dentro do Congresso para atender cada vez mais o nosso público. Talvez a gente venha trabalhar alguma coisa em relação ao conteúdo de logística jurídica porque isso é uma coisa que interessa tanto para os participantes do Congresso quanto aos nossos expositores”, conclui Juliana.

Fenalaw 2013

Centro de Convenções Frei Caneca
São Paulo-SP
15, 16 e 17 de outubro de 2013
Para mais detalhes, acesse o site da Fenalaw.

 

Tags: , , , , , , ,

Comentários